“Pré-temporada”: musculação pesada, sufoco na bike e zoação do Papai Joel

26/01/2017 - Reportagem: Globoesporte.com


Na sala de musculação do Centro de Treinamento em Saquarema é hora de subir na balança. O repórter Thiago Asmar, que participa da pré-temporada do Boavista para o Campeonato Carioca, observa o número com cara de preocupação: dá 82,5kg. Na sequência, o fisiologista prepara os equipamentos para medir o percentual de gordura do atleta de 1,85m e mostra logo o resultado, que é de 12,21. A comissão técnica pega pesado e fala que ainda falta reduzir um pouquinho a taxa até o fim do desafio. Ou seja, tem que se esforçar ainda mais.

Esse controle de peso é realizado com todos os jogadores, toda semana, para saber se estão ou não perdendo os quilinhos extras e quem precisa secar ou ganhar mais massa muscular. E para ficar mais forte e reforçar os músculos antes de jogar, só malhando. Por isso, a próxima atividade é a musculação. Não tem jeito, precisa levantar peso e manter o foco na preparação da equipe.

– Malhar é algo que faço normalmente na minha rotina, pois treino em academia. Só que o treino daqui tem uma diferença enorme do meu, porque não existe o descanso – destacou o jornalista.

O trabalho nos aparelhos para membros inferiores, superiores e exercícios de equilíbrio e força devem ser com velocidade para trabalhar a potência. Então, precisa repetir o máximo que puder em 20 segundos. Depois que executar o movimento, troca de aparelho e exercício. São apenas 30 segundos de recuperação. É um processo de força dirigido para o futebol, um circuito na sala de musculação feito de forma intensa. O trabalho tem que ser realizado com cuidado, pois pode gerar lesões caso não seja feito com atenção e cargas bem adequadas.

Na musculação, Thiago faz o voador enquanto é vigiado de perto pelo atacante Leandrão (Foto: Igor Christ)

– É você sem intervalo fazendo exercícios sem parar. E o pior, a parte mais difícil vem no final. Você faz todos os aparelhos e aí vem aquela bicicleta ergométrica – disse Thiago , exausto.

O preparador físico Antônio Mello, com auxílio e incentivo da comissão técnica, bota no peso 12, que é relativamente duro no pedal. Então, o atleta precisa colocar o máximo de rotação possível.Watch Full Movie Online Streaming Online and Download

– Cheguei a 192 batimentos por minuto (bpm), sofri, saí pingando e fui até o fim – contou Thiago.

Enquanto descansava das atividades pesadas do dia, Thiago ouvia sem retrucar a chamada em tom de brincadeira do técnico Joel Santana. Cansado, o repórter só prestava atenção no Papai.

– Esse negócio de altura, percentual de gordura, não interessa. Tem que ter é bola no pé. Pode estar magrinho e não jogar nada e gordinho jogando muito. E o que ganha jogo é bola – frisou.

No quarto e último capítulo da “Pré-temporada”, é hora de treinar com os goleiros e participar de um coletivo dentro de campo. Como será que o Thiago vai se sair nesse fim de desafio? Confira tudo isso nesta sexta-feira, a partir de 12h50m, no Globo Esporte. Então, assista e não perca!

Últimas notícias do BoaVista...